Acabou: E3 é oficialmente encerrada

A tradicional Electronic Entertainment Expo foi responsável por reunir novidades relativas a lançamentos e tendências de mercado de várias empresas do setor dos jogos.

A famosa feira internacional dedicada a jogos eletrônicos, Electronic Entertainment Expo, considerada a mais importante do gênero, está oficialmente “morta”, confirma a organizadora The Entertainment Software Association (ESA).

A E3 foi responsável por reunir novidades relativas a lançamentos e tendências de mercado de várias empresas do setor dos jogos durante anos.

“Depois de mais de duas décadas hospedando um evento que serviu como vitrine central para a indústria de videogames dos EUA e global”, a ESA decidiu encerrar a E3, disse o presidente Stanley Pierre-Louis , em um comunicado.

“Sabemos que toda a indústria, jogadores e criadores têm muita paixão pela E3. Compartilhamos essa paixão”, acrescentou (via VGC). “Sabemos que é difícil dizer adeus a um evento tão querido, mas é a coisa certa a fazer, dadas as novas oportunidades que nossa indústria tem para alcançar fãs e parceiros”.

“Houve fãs que foram convidados a participar nos últimos anos, mas tratava-se realmente de um modelo de marketing e de negócios para a indústria e de ser capaz de fornecer ao mundo informações sobre novos produtos”, disse Pierre-Louis ao The Washington Post, sugerindo estar ciente das circunstâncias que levaram ao fim do evento. “As empresas agora têm acesso aos consumidores e às relações comerciais através de diversos meios, incluindo suas próprias vitrines individuais.”

O evento foi realizado pela primeira vez em 1995 e, desde então, acontecia anualmente. A E3 2020 foi cancelada em função do surto do coronavírus (COVID-19) pelo mundo e na edição de 2023, por não conseguir convencer as principais empresas da indústria a participar, o evento foi oficialmente cancelado.

The Last of Us HBO, Pedro Pascal e Bella Ramsey são indicados ao Globo de Ouro 2024

Marvel’s Wolverine tem supostas imagens vazadas por hackers