Rosto de Resident Evil pede que suas fan pages sejam deletadas

Reprodução: Youtube

Modelo facial de Leon Scott Kennedy nos remakes de Resident Evil 2 e 4, Eduard Badaluta não está nada feliz com contas de fãs dedicadas a ele e pediu para que as páginas existentes fossem deletadas.

“Exclua esta conta estúpida. Não preciso de uma ‘conta de fã'”, comentou em foto no Instagram. “Exclua esse perfil de merda”, respondeu em outra.

Eduard Badaluta, face model for popular video game character Leon Kennedy from the Resident Evil video game franchise, confronts fan accounts in Instagram after 4 years of harassment
by u/TravisBickleXCX in Fauxmoi

Segundo usuários na rede social da Meta, modelo facial dos jogos da Capcom estaria desconfortável com sua sexualização e objetificação. Ele deletou ou teve comentários ocultados da publicação. Badaluta tem uma conta privada com 25 mil seguidores, presumivelmente como forma de evitar o assédio online.

Badaluta recebeu apoio

“Ele tem todo o direito de se expressar e está certo. Eduard foi muito sexualizado, [por pessoas] fazendo coisas com o rosto dele. Você acha isso legal? Você acha que isso não vai deixá-lo desconfortável? Vocês têm que aprender a separar o ator do personagem. Cresçam,” comentou usuário.

Algumas pessoas apoiaram páginas remanescentes que não atenderam ao pedido dele

“Vocês são tão embaraçosos por defendê-lo. Ele é uma figura pública, o que ele esperava? A sexualização é errada, eu entendo, mas uma maldita fanpage?! É tão estúpido e errado insultar os fãs por essa merda literalmente crescer, Eduard”, rebateu outro.

Ada Wong

Em abril desse ano, quase um mês após o lançamento de Resident Evil 4 Remake, a atriz de Ada Wong, Lily Gao, teve que desativar comentários, após ser atacada no Instagram com inúmeras mensagens de ódio, nos quais era duramente criticada por sua atuação e pessoas desejando o pior para ela.

Call of Duty: Modern Warfare 3 é um lançamento premium a preço cheio

Tekken 8 é classificado na Coreia do Sul