Segunda temporada de The Last of Us HBO pode atrasar e estaria testando atores com cenas do jogo

A greve de roteiristas em Hollywood deve atrasar diversas produções, entre elas, The Last of Us da HBO. Embora não saibamos se as filmagens para a segunda temporada estão dentro do tempo esperado para começar, o que é fato, é que um dos showrunners, Craig Mazin, faz parte da associação de escritores da américa (Writers Guild of America) e está junto à paralização.

Segundo a Variety, The Last of Us “está sentindo os efeitos da greve”, que os “preparativos para o elenco da segunda temporada da série de sucesso da HBO estavam em andamento até o início desta semana, quando foi suspenso, de acordo com um indivíduo com conhecimento da produção”.

A publicação diz que “várias fontes” informaram que a equipe de elenco estava pedindo aos atores que “lessem” sobre The Last of Us Part II, jogo no qual a segunda temporada será baseada, devido ao fato de que não há roteiros disponíveis no momento. “A esperança é que a temporada comece a ser filmada no início de 2024 em Vancouver”.

Com base nas diretrizes da WGA, Mazin atualmente “não está fazendo nenhum trabalho de escrita ou produção (incluindo envolvimento com o elenco) da 2ª temporada”, continua site. “Da mesma forma, Neil Druckmann, que co-criou a série e atuou como roteirista e diretor criativo dos jogos, não está trabalhando atualmente na 2ª temporada do programa de forma alguma”.

Desde 2 de maio, inúmeras produções foram impactadas pela greve, como Andor da Disney+ e Stranger Things da Netflix. A segunda temporada de House of the Dragon da HBO continua em produção, já que o roteiro está pronto, assim como a segunda temporada de O Senhor dos Anéis: Os Anéis do Poder da Amazon.

Bella Ramsey joga Gran Turismo 7 em vídeo do PlayStation VR2

Naughty Dog deve revelar jogo multiplayer de The Last of Us no PlayStation Showcase