Spoilers: Silent Hill The Short Message terá conteúdo sensível e “pesado”, segundo órgão de classificação

Informações de enredo do jogo da Konami pode conter gatilhos de temas fortes.

Imagem/Reprodução

As primeiras informações do enredo de Silent Hill: The Short Message surgiram em 2022, quando o game recebeu uma classificação etária em Taiwan, após ser classificado também na Coreia.

Supostas imagens foram descobertas pelo insider, Dusk Golem, com informações do órgão regulador, que detalhou a história da personagem Anita.

Anita chegou a um apartamento abandonado para encontrar a sua amiga Maya e ao acordar, descobriu estar presa nele. Ela terá que escapar de seus próprios medos e monstros que vagam pelos corredores, descobrir a verdade por trás dos eventos nos quais está presa e tentar escapar antes que o seu próprio trauma consuma a sua vontade de sobreviver.

Posteriormente, a Konami solicitou a remoção das imagens.

Hoje (7), um ano depois, foi descoberta uma nova classificação. Dessa vez, uma classificação do conselho australiano, diz que o game terá enredo “pesado” e sensível.

Aviso: Spoilers do enredo do game e gatilhos de temas fortes, como menções a automutilação e suicídio.

Publicado por usuário no reddit, via Eurogamer, o relatório anual da Australian Classification Board listou The Short Message como “MA 15+”, que significa que ele é legalmente restrito a pessoas com mais de 15 anos por conter “fortes temas de suicídio, violência de terror e linguagem grosseira”. As cenas descritas no relatório incluem representações de atos de automutilação na perspectiva de primeira pessoa e personagem tirando a própria vida – vistas tanto em primeira quanto em terceira pessoa.

Silent Hill: The Short Message — Um jogo de terror psicológico baseado em exploração em que os jogadores controlam personagens em um prédio de apartamentos chamado The Villa, na Alemanha moderna. O jogador assume o papel de uma jovem, Anita, que deve explorar The Villa através de um jogo em primeira pessoa para coletar pistas e descobrir o que aconteceu com sua amiga. Anita está explorando um ambiente de banheiro que apresenta uma banheira cheia de água ensanguentada, azulejos respingados de sangue e uma lâmina de barbear em uma pia ensanguentada. Ao examinar uma navalha, Anita tem um flashback. Em uma cena retratada do ponto de vista em primeira pessoa, uma voz grita: “Isso é tudo culpa sua! Coisas ruins acontecem por sua causa!” e uma mão segurando a navalha entra no quadro. O braço esquerdo do personagem entra no quadro com cicatrizes horizontais evidentes no pulso do personagem. A cena corta para uma tela preta antes que a navalha entre em contato com o pulso do personagem. A cena a seguir mostra uma imagem do braço esquerdo do personagem com cicatrizes antigas e recentes. Em uma cena retratada através de uma mistura de cenas de terceira e primeira pessoa, o personagem do jogador fica na beira do telhado do prédio, olhando para baixo. Está implícito que Maya cometeu suicídio pulando da borda do telhado. A personagem do jogador, em estado de angústia, especula que ela nunca se comparará a Maya. Ecos das tiradas abusivas de sua mãe são ouvidos ao fundo enquanto Anita se prepara para pular e diz: “Talvez eu possa ser como ela… Aqui vai…” Em uma cena em primeira pessoa, seus pés são vistos perto da borda da saliência antes, em uma cena em terceira pessoa, ela dá um passo e começa a cair. Ao longo do jogo, cutscenes que retratam automutilação e suicídio são seguidas por telas pretas que apresentam texto branco incentivando os jogadores a procurar tratamento e ajuda se estiverem em risco de automutilação e suicídio e a oferecer apoio se virem pessoas ao seu redor. lutando. Na opinião do Conselho, as representações de suicídio e automutilação no jogo ocorrem no contexto mais amplo do discurso que explora questões que giram em torno da saúde mental, o que incentiva os jogadores a procurar ajuda ou a oferecer apoio aos necessitados. Como tal, o impacto das representações não excede o impacto forte e pode ser acomodado na classificação MA15+.

Recentemente a Konami lançou Silent Hill: Ascension, série de streaming interativa onde o público é quem decide o rumo da história, e deve anunciar a data do tão aguardado remake de Silent Hill 2 para PS5 em breve, conforme pré-venda do jogo via BestBuy que dizia que o remake poderia explorar a origem do Pyramid Head, o que fez a Konami desmentir informação.

Baixe agora Mafia, Dragon Ball e Alien; Jogos PS Plus de novembro já disponíveis

Indicados a Jogo do Ano e outras categorias do The Game Awards serão anunciados em 13 de novembro