Trilhas sonoras de The Last of Us 1 e 2 levaram 6 anos para serem feitas

Com mais de 50 anos de carreira, o músico criador da trilha sonora de The Last of Us, Left Behind e The Last of Us Part II, Gustavo Santaolalla, revelou que levou 6 anos para compor as músicas dos jogos. “Parte muito do coração, tem muito sentimento”. Compositor defendeu história de TLOU 2 por ser algo baseado na “vida real” e que falta “compreensão mais ampla”

Esta publicação é um repost atualizado de thelastofus.com.br

Em conversa com lavanguardia, em Barcelona na Espanha, o artista refletiu sobre sua carreira. “Com tantos anos de carreira e com tanto tempo, deu-me para refletir um pouco. Eu consigo articular coisas na minha música, características que tocam as pessoas. Minha música parte muito do coração, tem muito sentimento, trabalha muito com o espaço e com o uso do silêncio”, disse.

Santaolalla não se considera um compositor de trilha sonora de filmes, então ele adapta o fluxo de trabalho para se adequar a ele. “Em primeiro lugar, não me considero um compositor de música para cinema, considero-me um artista que faz às vezes música para o cinema, que toca às vezes com um grupo… compondo a música muito antes de as coisas serem filmadas”, diz ele.

No cinema, muitas trilhas sonoras são geralmente criadas quando o filme já foi rodado e um primeiro corte já foi feito.

Sua forma de trabalho permite uma sinergia entre música, imagem e narrativa. O argentino contou que com o jogo PlayStation foi diferente, que já tinha músicas antes do desenvolvimento terminar, e que Neil Druckmann, coescritor e diretor, escreveu cenas partindo diretamente da sua música, com base nos sentimentos que ela lhe transmitia.

Músico conta que passou dois anos e meio compondo a trilha sonora do primeiro The Last of Us e três anos e meio a da segunda parte. Seis anos de sua brilhante e premiada carreira com 2 Oscars, o levaram a ser convidado para o primeiro e único jogo que compôs músicas até agora.

“Sou muito grato [a The Last of Us] porque tive a sorte de ter fãs que se conectaram com minha música desde muito jovens. Obviamente, essas pessoas também estão mudando, eles têm uma carreira há muitos anos e isso também é bonito, mas embora eu tenha pessoas que abordaram minha música através das que fiz no começo, minha banda, depois das coisas que eu produzi e tudo isso… cada público tem suas características e quem me procurou por The Last of Us tem um apreço muito especial e profundo pela minha música. É muito gratificante para mim ver que com o que faço posso afetar as pessoas de forma tão intensa”, disse.

Em The Last of Us Part II, ele se orgulha de ter sido transformado um NPC que aparece logo no início do jogo da Naughty Dog lançado em 2020.

The Last of Us HBO

Atualmente Santaolalla está preparando a trilha sonora da série de TV da HBO com Pedro Pascal (Joel) e Bella Ramsey (Ellie), que deve estrear no começo do próximo ano.

Confira os Jogos da Playstation Plus Essential de novembro de 2022

Inimigos em God of War Ragnarok são mais difíceis