Hacker que vazou GTA 6 é condenado à “prisão perpétua” em hospital

“A menos que os médicos considerem que ele não seja mais um perigo”, Arion Kurtaj passará a vida inteira detido.

Imagem/Reprodução

Um dos hackers que vazaram online, imagens, informações e gameplay do desenvolvimento de GTA 6, foi sentenciado à “prisão perpétua” em hospital.

Segundo o correspondente da BBC, Joe Tidy, o jovem de 18 anos, Arion Kurtaj, que foi considerado culpado por um júri do Reino Unido em agosto desse ano, teve sua sentença recebida hoje (21).

Ele foi condenado a “uma ordem hospitalar por tempo indeterminado”. O que significa que Kurtaj permanecerá em um hospital pelo resto da vida, “a menos que os médicos considerem que ele não seja mais um perigo”.

Assim como um jovem de 17 anos, que não pode ser identificado, Kurtaj – que sofre de autismo agudo, fazia parte do grupo de hackers Lapsus$, que também realizou ataques a outras empresas de tecnologia, incluindo Uber, Nvidia e EE. Ele foi considerado culpado de grave uso indevido de computador, chantagem e fraude após um julgamento que durou sete semanas.

Kurtaj recebeu essa punição porque “continua sendo um alto risco para o público por meio de suas habilidades e motivação”, segundo Juiz do caso. Ele teria dito aos psiquiatras que não iria parar.

Versão jogável de Marvel’s Wolverine vaza

RUMOR: Como a Sony estaria planejando levar o PS Plus para PC, mobile e mais