Ed Boon não tem certeza sobre configuração “sem gore” em Mortal Kombat 1

A violência em Mortal Kombat, embora bastante fantasiosa, é pesada aos olhos de muita gente, mas é a essência da franquia. O conteúdo dos jogos de luta que trilharam o sucesso da série a partir de Fatalities, Brutalities, bem como os seus personagens, não é bem-visto pelas empresas de redes sociais, tão pouco por seus algoritmos, devido aos órgãos fiscalizadores.

Muitos criadores de conteúdo na internet não conseguem mostrar muito, ou compartilhar livremente cenas dos games, sem mostrar o que de fato é uma característica presente durante todo o gameplay e história. O sangue e as execuções brutais tem impedido o alcance, assim como a monetização do conteúdo.

Em meio a pedidos, o co-criador da série Ed Boon até pensa em incluir uma configuração em Mortal Kombat 1 “sem gore”, para que as pessoas possam compartilhar seus conteúdos sem problemas, mas não tem certeza se funcionaria.

Quando questionado se streamers poderiam censurar um pouco da violência gráfica para que possam não violar termos de serviço do Twitch ou do YouTube, Boon disse ao IGN que embora esteja aberto à ideia, também teme que isso “retire” muito do que torna Mortal Kombat especial. Ele também diz que não gostaria que essa versão menos violenta de Mortal Kombat fosse a “principal representação” online, já que isso seria bastante enganador.

Digamos que tivéssemos um modo que desligasse todo o sangue ou algo assim ou não tivéssemos fatalities ou algo assim. Parte disso é… parte da definição de Mortal Kombat são essas coisas. E então, para eliminar toda uma camada disso, queremos realmente que essa seja a representação principal do jogo online? Não é toda a apresentação. Agora, admito que não é como, “Ok, então isso é um rompimento do acordo. Nunca faremos isso.” Estou sempre tentando pensar no que podemos fazer para manter o espírito do que é o jogo, mas também permitir que os streamers, porque conheço perfeitamente os streamers, mostrem o jogo e façam conteúdo baseado no jogo. Acho que esse é o dilema.

Futuro

O diretor de criação da NetherRealm Studios também disse que pensa em se distanciar um pouco dos jogos de luta quem vem fazendo há quase 30 anos.

Tenho absolutamente desejo de fazer algo diferente. Surpreendentemente, não me sinto esgotado só porque tentamos coisas novas a cada jogo. Às vezes é algo tão pequeno como um jogo paralelo de Puzzle Kombat, Konquest, todos esses tipos de modos e agora, Invasões. Então, acho que esses recursos e modos de jogo para o nosso estúdio mantêm as coisas frescas enquanto ainda fazemos a mecânica central de um jogo de luta online, história para um jogador, todas essas coisas.

Mortal Kombat 1 será lançaod para PS5, Xbox Series X|S, Nintendo Switch e PC 5 em 19 de setembro.

Veja Também

Trailer de gameplay em 4K dublado de Governantes da Exoterra

17 minutos de gameplay da história

John Cena é confirmado dublador de Peacemaker

Homelander e Omni-Man não serão clones um do outro

Faltam 3 lutadores para serem revelados

Fonte:

Algumas pessoas não gostaram de episódio de The Last of Us “porque é gay”, diz showrunner

Call of Duty MWII e Warzone apresentam os novos operadores, incluindo Lara Croft