Red Dead Redemption e GTA só vão virar filme ou série de TV se não for “prejudicial”

Take-Two revela estar discutindo outras adaptações, além de Borderlands e BioShock, mas serão muito seletivos e cautelosos.

Imagem/Reprodução

Com as adaptações de jogos em alta, a Take-Two explicou por que é improvável que um filme ou série de TV de Grand Theft Auto e Red Dead Redemption não sejam anunciados tão cedo.

Ontem (9), data em que a Rockstar Games fez o anúncio oficial de “GTA 6”, o CEO da companhia, controladora do estúdio, Strauss Zelnick, foi questionado sobre o quão dispostos estão em estender as franquias além dos videogames.

Embora os filmes de suas outras IPs, Borderlands e BioShock, estejam em andamento, a empresa está adotando uma abordagem “muito seletiva e muito cuidadosa” para adaptar suas propriedades para cinema ou TV. Zelnick disse que a Take-Two está “discutindo” novas adaptações, mas com cautela, para não haver danos, financeiros e também às suas marcas,” segundo o VGC.

“Se estivéssemos dispostos a usar o balanço da empresa para fazer um filme ou um programa de televisão, então, no caso de grande sucesso, nos beneficiaríamos disso”, disse ele. “Mas não estamos preparados para usar o balanço da empresa dessa forma porque o perfil de risco/retorno não é atraente para nós.”

Zelnick disse que “são negócios muito difíceis”, que anteriormente passou quatro anos como presidente e diretor de operações da 20th Century Fox e também atuou como vice-presidente de televisão internacional da Columbia Pictures. “Já participei deles com sucesso, são super desafiadores, não são o que fazemos. Preferimos o perfil de risco/recompensa do negócio em que atuamos.”

Licenciamento

“Isso significa que a única maneira de entrarmos nesse negócio é por meio de um acordo de licença com terceiros,” explica o executivo. “E vamos contextualizar. A Mattel disse que os lucros esperados com o licenciamento da propriedade intelectual da Barbie para um filme seriam de cerca de US$ 125 milhões. Agora, a Barbie é um sucesso enorme, massivo, é um sucesso extraordinário, então você não quer postular um sucesso enorme e olhar para os números dessa maneira.”

Zelnick acredita que mesmo num cenário de notícias realmente boas, as taxas de licença seriam uma fração disso para muitas de suas propriedades, “não o suficiente para serem significativas aqui”, ressalta. “E temos que pesar isso também em relação ao risco de fracasso. E as taxas de sucesso no setor cinematográfico são muito mais baixas do que no setor de entretenimento interativo.Nossas taxas de acerto para propriedades de console aqui estão na casa dos 80 ou 90 por cento. A taxa de acerto de um estúdio de cinema bem administrado é de cerca de 30%, o que significa que há 70% de chance de o filme que licenciamos falhar.”

“E assim, no caso do sucesso, o número em termos de benefício para os nossos resultados é que não é de minimis, não é zero, mas não é realmente relevante para o que fazemos por aqui. E, em caso de fracasso, corremos o risco de comprometer a propriedade intelectual subjacente, por isso é um padrão elevado.”

Borderlands e BioShock

Enquanto Borderlands está programado para chegar aos cinemas em 9 de agosto de 2024, uma adaptação live action de BioShock pata a Netflix está a caminho. A companhia

“Licenciamos duas propriedades, licenciamos Borderlands para a Lionsgate, há uma produção chegando, licenciamos BioShock, estamos ansiosos por isso também”, disse Zelnick na quarta-feira. “E temos outros títulos em discussão, nada pronto para anunciar. Mas seremos muito, muito seletivos e muito cuidadosos.”

No ano passado, surgiu um rumor de que a Rockstar teria recusado um filme de Grand Theft Auto estrelado pelo rapper Eminem. O longa seria supostamente dirigido pelo diretor de Top Gun, Tony Scott.

Filme Borderlands será lançado em 9 de agosto de 2024; Detalhes

Escritor de The Last of Us, Craig Mazin removeu seu nome do roteiro de Borderlands

Fonte:

PlayStation celebra 1 ano de God of War Ragnarök com estatísticas e novos conteúdos

Take-Two não quer comemorar sucesso de GTA 6 antes da hora